Carregando...

DISCIPLINA Listagem de Ementa/Programa

FISIOTERAPIA NA ATENÇÃO BÁSICA INTERVENÇÃODISCIPLINA 181528

VER OFERTA

ÓrgãoFCE UnB - Faculdade da Ceilândia
Código181528
DenominaçãoFisioterapia na Atenção Básica Intervenção
NívelGraduação
Vigência2008/2
Pré-requisitos FCE 181471 Fisioterapia A B R Terapêutico
Ementa


Finaliza a série de disciplinas que discutem as ações fisioterapêuticas para a prevenção, promoção da saúde e reabilitação nos diferentes ciclos da vida, na atenção básica. Busca desenvolver competências relacionadas à capacidade crítica e reflexiva para a escolha de recursos fisioterapêuticos e tomada de decisão, considerando as demandas da comunidade. Busca desenvolver habilidades para o trabalho em equipe multiprofissional no âmbito da atenção básica.

Programa


1. Projeto terapeutico singular e clinica ampliada
2. Planejamento estratégico
3. Intervenção no ambito da saude da criança no contexto da Atenção Basica
4. Intervenção no ambito da saude do adolescente no contexto da Atenção Basica
5. Intervenção no ambito da saude da mulher e gestante no contexto da Atenção Basica
6. Intervenção no ambito da saude do homem no contexto da Atenção Basica
7. Intervenção no ambito da saude do trabalhador no contexto da Atenção Basica
8. Intervenção no ambito da saude do idoso no contexto da Atenção Basica
9. Intervenção domiciliar

Bibliografia


Bibliografia Básica:

1. O`SULLIVAM, SUSAN B., SCHMITZ, THOMAS J. Fisioterapia: Avaliação e Tratamento. São Paulo: Manole, 2ª. Ed. 2004.
2. HALL, CARRIE M., BRODY, LORI THEIN. Exercício Terapêutico na Busca da Função. Guanabara Koogan, 2ª. Ed. 2007.
3. DELISA, JOEL A. Tratado de Medicina de Reabilitação: Princípios e Prática. Manole. 2001.

Bibliografia Complementar:

1. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Política nacional de atenção integral à saúde da mulher: princípios e diretrizes. Brasília: Ministério da Saúde, 2004.
Disponível em: http://conselho.saude.gov.br/ultimas_noticias/2007/politica_mulher.pdf
2. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Política nacional de atenção integral à saúde do homem. Brasília: Ministério da Saúde, 2008.
Disponível em: http://dtr2001.saude.gov.br/sas/PORTARIAS/Port2008/PT-09-CONS.pdf
3. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção em Saúde. Diretrizes nacionais para a atenção integral à saúde de adolescentes e jovens na promoção, proteção e recuperação da saúde. Brasília: Ministério da Saúde, 2010.
Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/diretrizes_nacionais_atencao_saude_adolescentes_ jovens_promocao_saude.pdf
4. LIPPERT, L. Cinesiologia Clínica para Fisioterapeutas. Manole, 2000
5. SMITH, L. K. Cinesiologia Clínica de Brunnstron. Manole, 1999
6. NORKIN. Articulação - Estrutura e Função. Revinter, 2001
7. STEPHENSON R. G.; O'CONNOR L.J. Fisioterapia Aplicada à Ginecologia e Obstetrícia. São Paulo: Manole. 05 exemplares
8. HANLON T.W. Ginástica para Gestantes: Guia Oficial da YMCA para Exercícios Pré-Natais. São Paulo: Manole 01 exemplar
9. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Política nacional de atenção básica / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção à Saúde. Brasília: Ministério da Saúde, 2006.
Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_atencao_basica_2006.pdf
10. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Diretrizes do NASF. Núcleo de Apoio a Saúde da Família / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. - Brasília: Ministério da Saúde, 2009.
Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/caderno_atencao_basica_diretrizes_nasf.pdf