Carregando...

DISCIPLINA Listagem de Ementa/Programa

MÉTODOS SOCIOLÓGICOSDISCIPLINA 134945

VER OFERTA

ÓrgãoSOL Departamento de Sociologia
Código134945
DenominaçãoMétodos Sociológicos
NívelGraduação
Início da Vigência em1971/2
Pré-requisitos SOL 134465 Introdução à Sociologia E
ELA 134074 Introd Metod Ciências Sociais E
SOL 134473 Teoria Sociológica 1 OU
SOL 134465 Introdução à Sociologia E
FIL 137596 Iniciação à Metodol Científica E
SOL 135470 Teorias Sociológicas Clássicas E
SOL 135488 Teorias Sociológicas Marxistas OU
SOL 134465 Introdução à Sociologia E
ELA 134074 Introd Metod Ciências Sociais E
SOL 135470 Teorias Sociológicas Clássicas E
SOL 135488 Teorias Sociológicas Marxistas
EmentaInício da Vigência em 2019/2

A disciplina propõe-se a realizar uma reflexão ampla sobre os fundamentos lógicos da pesquisa científica, e mais especificamente, da pesquisa em ciências sociais. Destaca uma visão ampla sobre o uso de determinados métodos e correntes de pensamento na prática sociológica, a saber: empirismo, funcionalismo, materialismo histórico, assim como o estruturalismo, interacionismo e a concepção pós-positivista. Discutir a importância do uso de metodologias científicas na investigação sociológica se realiza a partir do rigor metodológico, assim como da 'apropriação' de cada método em relação ao objeto de estudo. No segundo momento, a disciplina centra-se na apresentação dos principais elementos que constituem o projeto de pesquisa. Como construir um fato/fenômeno em uma questão/hipótese de um projeto de pesquisa? Relacionar as questões propostas/objeto de pesquisa a uma revisão bibliográfica e a construção de um referencial teórico-metodológico. Em outras palavras, como transformar a(s) questão(ões) ou hipótese(s) em conceitos e dados investigáveis? Por fim, contemplar a apresentação ou indicação de algumas técnicas de coleta de informações à pesquisa, envolvendo a identificação de categorias sociais, operacionalização de conceitos, e, sua explicitação. A elaboração de um projeto de monografia com apresentação e discussão teórica-metodológica indicada no mesmo, será atividade obrigatória da disciplina.

ProgramaInício da Vigência em 2019/2

Procedimentos didáticos e de Avaliação
Aulas serão expositivas na 1ª. parte da manhã destinadas à leitura e discussão da bibliografia, com vista a exposição dos conteúdos. Na 2ª parte da aula serão apresentadas as resenhas individuais e/ou os seminários em dupla. É obrigatória a participação de todos os/as estudantes nas atividades desenvolvidas em aula.
A avaliação será baseada nos seguintes elementos:
i)Leitura obrigatória dos textos indicados e participação obrigatória em sala de aula (1,5);
Exercícios parciais e apresentação de seminários em dupla dos textos em aula, com entrega de resumo aos demais estudantes (2,5);
- Trabalho Individual de resenha de textos da bibliografia de referência, a ser indicado (2,0)
-Elaboração individual do projeto de monografia/TCC, com apresentação no final da disciplina (4,0);
- Por fim, lembro que as aulas são presenciais e que a frequência deve corresponder a 75% das aulas ministradas; aquele/a estudante que não terá nenhuma falta durante a disciplina - será assegurado um ponto (1,0) na média final;



BibliografiaInício da Vigência em 2019/2

Data
12/08 UNIDADES E LEITURAS
Apresentação do Programa e dos/as estudantes: explicitação dos procedimentos didáticos
12/08

19/08
26/08
1ª. Unidade: Introdução aos conceitos básicos: ciência, conhecimento científico/de senso comum, teoria, método/metodologia, pesquisa /técnicas.
CANO, I. Nas trincheiras do método: o ensino da metodologia das ciências sociais no Brasil. Sociologias, dez 2012, vol.14, no.31, p.94-119;
LAVILLE, Christian, DIONNE, Jean. A Construção do Saber. Manual de Metodologia da Pesquisa em Ciências Humanas. Porto Alegre, Editora UFMG, 1999. (Introdução; cap. 1: O nascimento do saber científico; cap. 2: A pesquisa científica hoje);
http://disciplinas.stoa.usp.br/pluginfile.php/311372/mod_resource/content/1/Laville%2C%20Christian%20%20Dionne%2C%20Jean_A%20Construcao%20do%20Saber%20%28completo%29.pdf
MATALLO JR. Heitor. A problemática do conhecimento. In: Construindo o saber. CARVALHO, Maria Cecilia M.de. Campinas, SP, 1994;
APOLLINARIO, Fabio. Dicionário de Metodologia Científica. São Paulo, Atlas, 2004(leitura de alguns verbetes a serem indicados em classe);
02/09
09/09
16/09
23/09 2ª. Unidade: As diversas correntes do pensamento/prática sociológico/a:
2.1 Positivismo lógico. Método indutivo. Funcionalismo, Estruturalismo. Materialismo histórico e Interacionismo/etnometodologia;
RICHARSON, Roberto Jarry. (et col.). Pesquisa Social. Métodos e Técnicas. São Paulo: Editora Atlas S. A. 2011. (cap. 3 "Epistemologia do Trabalho Científico");
DURAND, Jean-Paul e WEIL, Robert. Sociologie Contemporaine. Paris, Vigot, 1999. (cap. 2 -Les grands courants sociologiques);
BRUYNE, Paul et al. Dinâmica da pesquisa em ciências sociais. Rio de Janeiro, Livraria Francisco Alves, 1977 (cap.3- O polo teórico);

30/09
07/10 3ª. Unidade: Articulação entre teoria e método/procedimentos metodológicos
MINAYO, Maria Cecilia de S. et al. Pesquisa social. Teoria, Método e Criatividade. Petrópolis, Vozes, 1996 (Leitura de todo o livro: 80pgs.);
BRUYNE, Paul et al. Dinâmica da pesquisa em ciências sociais. Rio de Janeiro, Livraria Francisco Alves, 1977 (cap.2- Os processos discursivos; cap.4 Os quadros de referência);
GINZBURG, Carlo. Sinais: raízes de um paradigma indiciário. In Mitos, emblemas, sinais: Morfologia e História. 1ª reimpressão. São Paulo: Companhia das Letras, 1990.
14/10
21/10 4ª. Unidade: Estrutura e componentes de um projeto de pesquisa
BRUYNE, Paul et al. Dinâmica da pesquisa em ciências sociais. Rio de Janeiro, Livraria Francisco Alves, 1977 (Objeto e problemática científica);
BENTO, Antônio. Como fazer uma revisão da literatura: considerações teóricas e práticas. Centro de Investigação em Educação. Universidade de Madeira. Disponível: http://www3.uma.pt/bento/Repositorio/Revisaodaliteratura.pdf
QUIVY, Raymond e CAMPENHOUDT, Luc Van. Manual de Investigação em Ciências Sociais. Lisboa, Gradiva, 1992 (cap. A pergunta de partida);
LUNA, Sergio V. de Planejamento de Pesquisa. São Paulo, EDUC, 2002; (Cap. 1 e 2)
28/10

04/11 5ª. Unidade: Problema, conceitos, hipóteses, variáveis e demais componentes do projeto
QUIVY, Raymond e CAMPENHOUDT, Luc Van. Manual de Investigação em Ciências Sociais. Lisboa, Gradiva, 1992 (Por que as hipóteses?);
LAKATOS, Eva M. e MARCONI, Mariana de A. Fundamentos da metodologia científica. São Paulo, Atlas, 1985 (cap. 6 e 7);
LAVILLE, Christian, DIONNE, Jean. A construção do saber. Manual de metodologia da pesquisa em ciências humanas. Porto Alegre: Editora Artes Médicas, Sul Ltda. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1999. (Parte II: Do Problema à Hipótese. cap. 4: "Problema e Problemática"; cap. 5: "O Percurso Problema-Pergunta-Hipótese". Parte III: "Da Hipótese à Conclusão", cap. 6: "As Estratégias de Verificação", cap. 7: "Em Busca de Informações").


11/11

18/11 6ª. Unidade: Apresentação de algumas fontes e técnicas de coletas de informações
BAUER, M e Aarts, B. _ A construção do corpus: um princípio para a coleta de dados qualitativos. In Bauer, M. W., Gaskell, G. _ Pesquisa Qualitativa com Texto, Imagem e Som. Um manual prático. Petrópolis: Vozes, 2008. p. 39);
MAN, Peter H. Métodos de investigação sociológica. Rio de Janeiro, Zahar Editores, 1977 (cap.4 e 5);
LAVILLE, Christian, DIONNE, Jean. A construção do saber. Manual de metodologia da pesquisa em ciências humanas. Porto Alegre: Editora Artes Médicas, Sul Ltda; Belo Horizonte: Editora UFMG, 1999. (Parte IV: "O Relatório de Pesquisa". Cap. 9: "A Comunicação Cientifica";

25/11 7ª. Unidade: Questões éticas que envolvem o proceder na pesquisa sociológica
Revista Brasileira de Sociologia. Comitês de Ética em pesquisa: caminhos e descaminhos teórico-metodológicos. RSB, Vol.3, no.5, jan/jul/2015. (Artigos: A ética em pesquisa com seres humanos: desafios e novas questões; Ética na pesquisa e ética profissional em Sociologia: um começo de conversa).


02/12
09/12 Apresentação dos trabalhos finais/Projetos individuais